Credo in Unam, Sanctam, Cathólicam et Apostólicam Ecclésiam

"Na presença dos Anjos ei de cantar-Vos e adorar-Vos no vosso santuário."
(Salmo 137, 1)

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Por que ir a igreja?


"Que alegria quando me disseram: Vamos à casa do Senhor..." (Sl 121,1)

Muitos fazem essa pergunta, porque ir a igreja, se Deus está em todos os lugares, se Deus está no coração de cada um de nós?

O ser humano tem uma vocação intrínseca para a comunhão, na Bíblia esta escrito: "Não é bom que o homem esteja só". (Gen 2,18) Logo também não é bom que esteja só em sua vida espiritual, é bom que esteja em comunidade, um rebanho, um só Pastor (Jesus Cristo), uma comunidade de amor, a igreja.

Quando o cristianismo surgiu, os apóstolos já se reuniam, em comunidade para orar e para a celebração da Santa Eucaristia.

Quando amamos uma pessoa queremos estar perto dela, visitá-la, conviver com ela. A igreja é a Casa de Deus, logo devemos ir ao Seu encontro. Como corresponder ao supremo e imenso amor de Deus por nós? Amor com amor se paga! Por isso o fiel procura amá-lo e segui-lo como uma criancinha segue seus pais onde quer que eles forem.

Para a criança, seu pai é o seu refúgio, a sua fortaleza, a sua segurança. Uma criança confia cegamente no seu pai e faz tudo para agradá-lo. Seu papa é grande, é forte e a protege de todo o mal. Se por acaso acontece numa distracção ou numa brincadeira de fazer algo que desagrada seu pai ou sua mãe, é a criança a primeira a ficar muito triste, chega a chorar, porque se arrepende de todo o coração de ter feito uma coisa desagradável ao seu pai. Assim também deve ser nossa relação com Deus, devemos obedecê-lo, não por obrigação e sim por amor, simplesmente porque Ele quer o nosso bem, o melhor para nós. Devemos obedecer os 10 mandamentos, eles não são uma lei antiga e retrógrada, são um "manual de instruções humano", porque Deus quer sempre o nosso bem e nossa salvação, nunca o pecado, nunca a condenação... mas quem escolhe o seu caminho é o homem, porque ele escolhe livremente, no seu livre arbítrio, fazer o bem ou o mal.

Se devemos obedecer a Deus, também devemos obedecer nossa Santa Mãe Igreja, representante de Deus na terra no nosso tempo, sempre actual, porta-voz da vontade de Deus.

A principal razão pela qual um católico deve ir a igreja é a Sagrada Eucaristia. É a presença real de Jesus Cristo, o católico deve ir a missa para recebe-lo na Sagrada Comunhão, é na missa que Jesus renova o seu Santo Sacrifício, devemos receber o alimento espiritual (assim como precisamos do alimento carnal, também precisamos de alimento espiritual). "Não só de pão viverá o homem, mas de toda a palavra que sai da boca de Deus" (Atos 4,4). O alimento espiritual é a leitura da Palavra de Deus, mas também Jesus se dá em alimento, se entrega, sem reservas e Ele disse "Em verdade, em verdade vos digo: se não comerdes a carne do Filho do Homem, e não beberdes o seu sangue, não tereis a vida em vós mesmos." (Jo 6,53)

O católico pode ir a igreja mesmo quando não há missa, porque Jesus fica lá a espera no sacrário para o adorarmos. Nós não podemos vê-lo mas Ele realmente está lá, como que escondido (como dizia o pastorinho Francisco vidente de Fátima), está escondido aos nossos olhos, mas está verdadeiramente presente no mistério do Santíssimo Sacramento.

Moisés quando viu a sarça ardente, recebeu a seguinte ordem:

"Não te aproximes daqui. Tira as sandálias dos teus pés, porque o lugar em que te encontras é uma terra santa." (Ex 3,5)

Da mesma maneira a igreja é solo santo. É um local sagrado, quando saímos de casa para ir a igreja, fazemos como fez Moisés que se aproximou da sarça ardente, logo percebeu que não estava num local comum, havia algo de extraordinário, de sobrenatural naquele lugar. Na igreja é a mesma coisa, a igreja é a morada de Deus, é um templo sagrado.

Por isso devemos ir a igreja sempre, vamos ao encontro daquele que nos ama, com alegria e respeito. Assim, frequentando o templo que vemos aprendemos o que é um templo sagrado e tomamos consciência do templo que somos, pois nós também somos templos de Deus:

"Não sabeis que sois o templo de Deus, e que o Espírito de Deus habita em vós?"
(I Cor 3,16).

Sem comentários:

Enviar um comentário

Caro leitor:

Os comentários deste blog serão moderados. Reservo-me o direito de não publicar comentários que fogem ao tema da postagem em questão ou que sejam claramente contra a Igreja Católica. Também reservo-me o direito de não publicar ou de deletar todo e qualquer comentário que considere inconveniente e abusivo. O objetivo deste blog não é promover discussões sobre os temas em questão e sim ajudar na formação católica. Se é contra o que foi exposto, por favor, não perca o seu tempo e guarde a sua opinião para si.

Obrigada pela compreensão.
Muito obrigada pelo comentário.

Taiana Froes